terça-feira, 2 de agosto de 2011

Melão entrevista FERNANDA RODRIGUES: “Eu amo o que faço e os desafios me movem”




O Brasil inteiro a viu crescer e acompanhou todos os seus personagens. Por isso mesmo, Fernanda Rodrigues nos parece tão próxima: aquela prima da capital, aquela neta fofinha, aquela filha rebelde... E é impossível não torcer por seus personagens, tanto que sua Jôse, de “O astro”, já vem ganhando uma forte torcida do público através das redes sociais e promete fazer frente a Lili (Alinne Moraes) pelo amor de Márcio (Thiago Fragoso). Mesmo com o ritmo de trabalho intenso (tanto para Fernandinha, quanto para este roteirista que vos fala), a atriz aceitou ceder essa entrevista, que mais parece um agradável bate-papo com aquela amiga que conhecemos há anos do que propriamente uma entrevista mais formal. Assim é Fernandinha: simples, simpaticíssima, cativante e encantadora. Ela nos fala de seus principais personagens televisivos, de sua experiência em cinema e da calorosa resposta que sempre recebe do público. Espero que gostem tanto da conversa quanto eu!

Com Thiago Fragoso em "O astro"
Como está sendo a experiência de viver a Jôse em “O astro” que, em pouco tempo, já conquistou uma grande torcida e carinho por parte do público? Pesquisou sobre o papel na versão original?
Fernanda - Está sendo um dos meus maiores desafios. A Jôse é intensa demais, ela ama incondicionalmente, e essa é a maior característica dela: o amor. Eu queria fazer com que esse amor chegasse nas pessoas, tocasse de alguma maneira o coração do publico. Não é uma tarefa fácil. Estou fazendo com a maior verdade possível pra que chegue assim no ar: sincero!!! Da versão original só vi a morte de Jôse no Youtube porque não aguentei de curiosidade. Mas quis criar uma nova personalidade pra contar essa nova história!



Durante a exibição de “O astro” você costuma acompanhar a repercussão e os comentários do público em tempo real pelo twitter. Como é ter esse tipo de retorno tão instantâneo? Isso, de alguma forma, interfere na construção do personagem?

Fernanda - Tenho acompanhado tudo pelo twitter (@ferrod). No meu caso esta ajudando muito porque sinto que as pessoas estão torcendo pela Jôse. Acho que estavam sentindo falta de histórias de amor verdadeiro. Os amores, hoje em dia, são mais rasos, tanto na dramaturgia quanto na própria vida. As pessoas estão sem tempo pra isso, com uma vida corrida... Me sinto resgatando o amor dentro das pessoas! Fico Feliz!!!

 Você começou muito cedo em televisão e já fez muito sucesso como a Isa em “Vamp” (1991). Naquela época, você já almejava seguir a carreira de atriz?
Fernandinha ainda criança em "Vamp"
Fernanda - Não almejava porque era uma criança, mas adoraaaava fazer aquilo! Ia gravar feliz da vida... aquilo me fazia muito bem! Acho que estava no sangue! (risos)

Um de seus papéis mais marcantes até hoje foi a rebelde e problemática Bia de “A viagem” (1995). Que lembranças tem dessa novela? Acredita que o papel foi um divisor de águas em sua carreira?
Fernanda em cena de "A viagem" com Lucinha Lins, sua mãe na novela
Fernanda - A Bia foi uma loucura. Ela mal existia na sinopse e virou um dos destaques da novela! Eu estava vivendo aquela mesma fase, da adolescência, então tinha uma identificação atriz/personagem. Quando ela ficou rebelde lembro que as pessoas queriam me bater na rua. Passei varias situações constrangedoras, o povo ficou com muita raiva de mim. Não sei se foi um divisor de águas, mas foi importante demais pra mim essa novela!

Você integrou o elenco da primeira temporada de “Malhação” (1995) e já fez todo mundo torcer para que sua personagem, a romântica Luisa, conquistasse o coração de Dado (Claudio Heinrich). Por que acha que o público torce tanto pelos personagens que interpreta?

Fernanda - Isso é muito legal. Acho que por eu ter crescido na TV as pessoas torcem por mim, nos personagens e na minha vida. Sinto que tem um carinho a mais. As pessoas me abordam de modo diferente. Isso até meus amigos do meio artístico comentam.  Porque elas me viram crescer, parece que tem mais intimidade, como se fosse uma filha, uma neta. Senti bem mais claro isso na gravidez e, agora com a minha filha, todo mundo vem falar coisas tipo: te vi pequenininha, agora você já é mãe!  É muito legal!!!

Em “Sabor da Paixão” (2002) você viveu uma musicista. Já em “A lua me disse” (2003), interpretou uma jogadora de futebol. Como você se prepara para esses personagens que exercem atividades específicas e tão diferentes de você?
Fernanda - Esse é o meu maior prazer: ser e fazer coisas diferentes da minha realidade! Amo aprender coisas novas pra um personagem! E me jogo de cabeça mesmo... Além de jogadora de futebol e flautista, lutei judô, fui manicure, pianista, joguei tarô,  fiz Kung Fu... e agora fotógrafa! É o máximo brincar de ser coisas que você não é !

Você sempre foi conhecida por interpretar tipos doces e frágeis. Por isso o público se surpreendeu com sua primeira vilã, a Stelinha de “Negócio da China” (2008), que era uma mestre em Artes Marciais e enganava os próprios pais.  Que tal a experiência? Acha que seu tipo físico delicado limita um pouco a escalação para papéis diferentes?  
Como a malvada Stelinha de "Negócio da China"
Fernanda - Foi muito importante pra mim fazer a Stelinha. Queria que as pessoas me vissem fazendo uma coisa diferente! Acho uma pena que as pessoas te escalem pelo físico. O desafio do ator é exatamente esse. Não quero ser escalada pra fazer sempre a mesma coisa, quero desafios novos, boas oportunidades!

Uma de suas incursões no cinema foi em “A partilha”, em que vivia a filha de uma das protagonistas vividas por Glória Pires, que engravidava de um líder de uma seita religiosa em hilária participação do nosso Geraldinho Carneiro. Como foi transitar nesse universo tragicômico criado por Miguel Falabella e qual a diferença essencial entre trabalhar no cinema e na televisão?
Fernanda - Eu amei fazer esse filme. Era um elenco incrível e a minha história era muito engraçada com o Geraldinho Carneiro. Me diverti demais filmando! Além disso, sempre quis trabalhar com o Daniel Filho, que é um diretor que admiro muito. Foi uma oportunidade maravilhosa que ele me deu! Fazer cinema é demais. Pena que tive poucas oportunidades! Adoraria fazer mais filmes...


Existe alguma cena que tenha te marcado em especial ou que tenha gostado mais de fazer? Qual?
A hilária Gisele de "O profeta"
Fernanda - Na novela “O Profeta” eu tive muitas cenas divertidas que amei fazer!  A cena do casamento de “Gigele” e Tainha não vou esquecer jamais! Dei muita risada assistindo...

Pergunta de praxe do blog: você é noveleira? Se sim, qual sua novela favorita como espectadora?
Fernanda - Fui mais noveleira antes da minha filha nascer. Depois disso a tv só fica ligada em desenhos e filmes de criança. No momento só vejo “O Astro”, e estou amando! Novelão que me tira o ar!
Existe algum personagem ou tipo específico que você ainda gostaria de interpretar?

Fernanda - Vários. Se possível, os mais difíceis... Eu amo o que faço e os desafios me movem!!!

Querida, gostaria de reiterar que é uma grande honra e um imenso prazer te entrevistar e escrever para uma personagem sua. Temos pouca diferença de idade e cresci acompanhando sua carreira, admirando seu talento e torcendo por você desde então. Por isso digo que, cada vez que crio uma fala para a Jôse, realizo um sonho de criança. Muito obrigado pela simpatia e pela disponibilidade em responder as perguntas. Todo o sucesso do mundo pra você, em “O astro” e em tudo o que vuer pela frente. Beijos mil! Vitor

Fernanda - Adorei as perguntas e nem sei como agradecer suas palavras de carinho! Obrigada do fundo do meu coraçao e tomara q a gente trabalhe muito junto! Vc é especial! Beijos.
__________________________

Leia também: Entrevista especial - TUNA DWEK: “A arte nos captura a despeito de nós mesmos”
_________________

16 comentários:

Evana R. disse...

Que entrevista graciosa, Vitor! Ah, eu adorava o cabelo da Fernanda em Negócio da China! xD E espero que com ou sem Márcio, Jôse tenha um final bem bonito. =)
Beijos

FABIO DIAS disse...

Sempre amei a Fernandinha! Desde Vamp, que foi a primeira novela que vi, tinha a mesma idade dela. Sempre linda e talentosa. Cresci junto com ela. Da até uma nostalgia. Ótima entrevista!

Brunno Duprat disse...

M A R A V I L H O S A - eu sempre tive loucura pela Fernandinha Rodrigues, sei lá. Ela é muito carismáica e cativante. Me lembro muito dela em Malghação e A Viagem, que foi quando mergulhei no mundo das novelas. Sou de 1989 e desde que me entendo por gente gosto dela de graça, sei lá, carinho mesmo. Sempre comentei e ouvi de amigos o porquê não vê-la em papéis mais importantes, pois talentop ela tem de sobra. Com O Astro finalmente mato minha vontade e a vejo em um papel forte, cheio de nunaces, onde ela pode mostrar toda a sua capacidade. Faço votos para que a partir de então ela seja vista com outros olhos, pois merece outros bons papéis pelo talento que tem!

Parabéns pela enrevista, Vítor. Nem tanto pelas perguntas, onde você é sempre coerente, mas por entrevistar uma atriz apaixonante.

Valeu!!!

dani martinez disse...

Primeira vez que venho aqui em seu Blog, Vitor! Adorei a entrevista com a Fê! Eu torço por ela sempre pois é uma das poucas atrizes que não põe a aparência como pano principal da carreira e sim seu talento! Há muito esperava essa oportunidade dada a ela em O astro! Espero que depois desse trabalho ela esteja no top da Globo! Sucesso a ela e a você, Vitor! Parabens! A gnt se vê no TT @__DanMartinez

Elton Menezes Severo disse...

Sempre adorei ela.
Passa uma coisa boa, meio angelical.
Sem falar que é linda. E foi muito atenciosa na entrevista.
Torço pelo sucesso de Fernandinha sempre.

André Luís Cia disse...

Dos personagens da Fernanda, o que mais gostei até hoje foi a rebelde Bia da A Viagem. Ela ainda era uma adolescente, mas se saiu muito bem no papel passando td veracidade que o personagem pedia.
A sua química com Lucinha Lins também foi decisiva para o sucesso da atriz.

Ivan disse...

Otima entrevista! Fernanda sempre mandou bem, desde pequena, arrasou em A VIAGEM, um de seus melhores papéis!

Que delicia escrever para ela né Vitor!

sucesso a todos!

glauce viviana disse...

Excelente entrevista! A Fernandinha é linda, uma fofa, excelente atriz!! Eu cresci a vendo na TV! Adoro! Eu tbm estou torcendo pela Jôse! Parabéns por tudo! Beijos

|Warney Oliveira| disse...

Muito bom! A Fernanda é ótima!! Vai ser uma MONTENEGRO um dia.. *rsrs* Que entrevista linda... por isso que eu queria ser ator... nem que fosse pra fazer um mudo invisível! *rsrs* Parabéns! @WarneyOliveira

Greice disse...

Eu sempre gostei de Fernanda Rodrigues desde a novela Vampi quando ela foi reprisada, pois durante a 1º versão eu só tinha 3 aninhos e não assisti desde então venho assistindo todos as suas novelas ainda bem que meu horário de aula sempre bateu com as novelas assim posso vela.
Vc é linda, muito talentosa e adoro vc flor!

Eddy Fernandes disse...

Adoro o trabalho da Fernanda.
Fico feliz de ver o quanto a Sukhi de "Estrela Guia" amadureceu.
Torço fervorosamente por Jôse e já me preparo para abraçar os lencinhos quando a personagem partir desta para uma melhor... rs!
Bela entrevista, tio.
Abração, Eddy.

RÔ_drigo disse...

Entrevista Saborosa e Incrivel... Amei!Fiquei+fã!!
Alem de linda é talentosa...
Espero ve-la rotineiramente nas telinhas,telonas e conhecer o trabalho dela no teatro tbm,hehehe.

Isaac Abda disse...

Torcendo muito pela Jôse, então evidencio aqui o meu protesto pela sua morte já anunciada... a Fernanda é de fato uma atriz cativante e a prefiro em papéis doces, embora conflitantes. Não curti Negócio da China, mas estou adorando vê-la em O Astro! Parabéns pelo bate papo, Vitor, senti você menos comprometido com a formalidade "característica" de algumas entrevistas lidas por aqui, deixando a F. Rodrigues bem a vontade... Adorei!!!

@gwtto disse...

Sou fã da Fernanda Rodrigues. Como bom noveleiro que sou, cresci acompanhando seus trabalhos na telinha. Impressionante o talento dessa atriz. Vem do berço mesmo. Em "A Viagem", onde ela viveu a rebelde Bia, já mostrava maturidade e competência. Só lamento o pouco destaque na telinha que ela vem tendo nos últimos tempos. Fernanda merece protagonizar uma novela (em horário nobre, se possível).

Parabéns pela entrevista e pelo blog. Abraço grande, Vitor. Sucesso em sua carreira como roteirista! Ainda veremos uma novela com a sua assinatura...

www.galeriadenovelas.com

Alexandre disse...

Comecei a acompanhar o trabalho de Fernanda em "Deus nos Acuda". Além de ser uma excelente atriz, parece ser um doce de pessoa, humilde e sem estrelismos. Parabéns pela entrevista!

ELI disse...

Que entrevista linda! Eu sou super fã da Fernanda, vejo ela na tv desde que me entendo por gente, afinal ela é dois anos mais velha do que eu. Sempre talentosa, até hoje não entendo pq a GLOBO ainda não lhe presenteou como uma protagonista!! Fiquei super feliz com a a JosÊ, mesmo não sendo protagonista teve um destaque muito grande onde ela pode demonstrar todo seu talento como atriz! Parabéns, Fernanda vocÊ merece! Só espero que não fique muito tempo longe da telinha, pois atrizes no seu nivel fazem falta para teledramartugia brasileira, um grande beijo!

Prefira também: